THE HURRICANE -um filme estadunidense de 1999, do gênero drama biográfico


Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.Disambig grey.svgNota: Este artigo é sobre o filme com Denzel Washington. Para o filme com John Wayne, veja The Hurricane (1937).

The Hurricane
Pôster promocional
No BrasilHurricane – O Furacão
Em PortugalO Furacão
 Estados Unidos
1999 •  cor •  145 min 
DireçãoNorman Jewison
ProduçãoNorman Jewison
Marc Abraham
Armyan Bernstein
Thomas Bliss
John Ketcham
RoteiroArmyan Bernstein
Dan Gordon
Baseado emLazarus and the Hurricanede Sam Chaiton & Terry Swinton
The Sixteenth Round,
de Rubin “Hurricane” Carter
ElencoDenzel Washington
Vicellous Reon Shannon
Deborah Kara Unger
Liev Schreiber
Gênerodrama biográfico
MúsicaChristopher Young
CinematografiaRoger Deakins
EdiçãoStephen E. Rivkin
Companhia(s) produtora(s)Beacon Pictures
DistribuiçãoUniversal Studios (Estados Unidos)
Buena Vista International (international)
Lançamento 29 de dezembro de 1999
 17 de março de 2000
 31 de março de 2000
Idiomainglês
OrçamentoUS$ 50 milhões
ReceitaUS$ 73 956 241
Site oficial

The Hurricane (braHurricane – O Furacão[1]prtO Furacão[2]) é um filme estadunidense de 1999, do gênero drama biográfico, dirigido por Norman Jewison, com roteiro de Armyan Bernstein e Dan Gordon baseado nos livros The Sixteenth Round: From Number 1 Contender to #45472, de Rubin “The Hurricane” Carter, e Lazarus and the Hurricane: The Freeing of Rubin “Hurricane” Carter, de Sam Chaiton e Terry Swinton.[3]

Com Denzel Washington no papel-título, o filme conta a história do ex-campeão dos pugilistas pesos-médios que foi condenado por triplo homicídio num bar em Peterson (Nova Jersey). O filme também retrata sua vida na prisão e como ele teria sido libertado graças à compaixão de um adolescente do Brooklyn chamado Lesra Martin e sua família adotiva canadense.

Índice

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmio/eventoCategoriaRecipienteResultado
Oscar 2000Melhor atorDenzel WashingtonIndicado[4]
Globo de Ouro 2000Melhor ator – dramaDenzel WashingtonVenceu[4]
Melhor filme – dramaIndicado[4]
Melhor direçãoNorman JewisonIndicado[4]
Festival de Berlim 2000Melhor ator (Urso de Ouro)Denzel WashingtonVenceu[4]
Prêmio do JúriVenceu[4]

Elenco[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Conta a história de Rubin “Hurricane” Carter, famoso pugilista estadunidense cuja prisão, por assassinato, foi cercada de suspeitas de perseguição racial. Em 1966, Rubin Carter foi detido junto com um amigo e acusado do assassinato de três pessoas em Nova Jersey. Após rápido julgamento, ele foi condenado à prisão perpétua por um júri composto exclusivamente por brancos. Tanto Carter como seu amigo, John Artis, negaram envolvimento nos assassinatos, passaram sem problemas por um detector de mentiras e as testemunhas não os reconheceram como os autores. O filme mostra as pessoas que o ajudaram a conseguir um novo julgamento que o inocentou. Rubi ficou encarcerado por vinte anos e a sua esperança restringia-se aos fãs que acreditavam em sua inocência.

Produção[editar | editar código-fonte]

O ator Denzel Washington e Rubin Carter trabalharam juntos durante a produção do filme. O diretor premiado/produtor Norman Jewison considera The Hurricane o seu melhor trabalho.[5]

Os locais de filmagem incluem: East Jersey State PrisonTrentonNova JerseyAvenel, Nova Jersey; Paterson e Nova Jersey, nos Estados Unidos e Toronto e Ontário, no Canadá.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

O filme estreou em 17 de setembro de 1999, no Festival Internacional de Cinema de Toronto, e também foi destaque no Festival Internacional de Cinema de Berlim, em 17 de fevereiro de 2000.

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

O filme estreou na América do Norte em lançamento limitado em 29 de dezembro de 1999. O bruto da primeira semana foi 384 640 dólares (11 telas) e as receitas totais para a execução foram 50 668 906 dólares. Na sua maior lançamento do filme foi apresentado em 2 148 cinemas. Ele fechou a semana de 14 de abril de 2000. O filme havia sido exibido por 16 semanas.[6]

Resposta da crítica[editar | editar código-fonte]

Atualmente, o filme tem uma classificação “Fresh” de 83% em Rotten Tomatoes, com base em 113 opiniões.[7]

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

O filme foi criticado por deturpar muitos dos fatos da vida de Carter, de seus antecedentes criminais, militares, relatórios da polícia e documentação do tribunal. Tais críticos incluem: Cal Deal, repórter do Herald-News;[8] Larry Elder;[9] Thomas Clough; Barbara Burns, a filha da vítima Hazel Tanis; George Kimball do The Irish Times;[10] Milan Simonich do Pittsburgh Post-Gazette; Lona Manning;[11] Repórter do The New York Times Robert Lipsyte;[12] Paul Mulshine do The Newark Star-Ledger; e Jack Newfield do New York Post, que afirmou: “Eu sabia que Rubin Carter, participou de suas lutas, cobriu o novo julgamento e eu não vi tanta realidade na tela.”

O crítico de cinema David Denby, do The New Yorker, comentou: “Falso, evasivo e factualmente muito fina – um conto de fadas liberal.”[13]

Ação judicial[editar | editar código-fonte]

O ex-campeão mundial de peso médio Joey Giardello processou os produtores do filme por difamação sobre a interpretação dada à sua luta com Carter, onde foi apresentado um “desfecho racista”. “Isso é uma piada, ele disse ao New York Daily News, ele não me bateu tanto assim nos 15 rounds. Praticamente todos os especialistas de boxe dirão que eu ganhei a luta.” O árbitro Robert Polis, que assinalou 72-66 em favor do Giardello, declarou: “Eles retrataram Joey Giardello como um lutador incompetente. Eu achei isso ridículo.”[14] Até o próprio Carter concordou que Giardello era o legítimo vencedor.[15]

Posteriormente, o caso foi resolvido fora do tribunal. Os produtores pagaram ao campeão aposentado uma bolsa e fizeram um acordo, com Jewison, o qual incluia uma declaração, no DVD, com a seguinte mensagem: “Giardello sem dúvida foi um grande lutador”.[16]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

The Hurricane Soundtrack
Trilha sonora de Vários artistas
Lançamento1999
Gênero(s)trilha sonora
Gravadora(s)MCA Records
FaixaTítuloArtista(s)Compositor(es)Duração
1“Hurricane”The Roots com Black ThoughtCommonMos DefDice Raw, Flo Brown e os JazzyfatnasteesTariq Trotter, Tracey Moore, Mercedes Martinez, Karl Jenkins, Lonnie “Common” Lynn, Dante “Mos Def” Smith, Falana Brown, Scott Starch5:39
2“Little Brother”Black Star4:01
3“Love Sets You Free”Kelly Price e Aaron Hall4:06
4“I Don’t Know”The Jazzyfatnastees3:19
5“Isolation”Meshell Ndegeocello4:57
6The Revolution Will Not Be TelevisedGil-Scott HeronHeron3:05
7“One More Mountain (Free Again)”K-Ci & JoJo3:41
8HurricaneBob DylanDylan, Jacques Levy8:33
9Hard Times (No One Knows Better Than I)Ray CharlesCharles2:55
10“In The Basement part 1”Etta JamesBilly Davis, Raynard Miner, Carl Smith2:22
11“Still I Rise”Melky Sedeck4:15
12“I Don’t Know”Ruth BrownBrook Benton, Bobby Stevenson2:53
13“So Amazing”Clark AndersonAnderson, Summer Anderson4:32
14“The Suite”Christopher YoungYoung7:18

A trilha sonora inspirada no filme foi lançado em 11 de janeiro de 2000, sobre o rótulo MCA Records. O CD contém catorze faixas, incluindo “Hurricane“, por Bob Dylan, “Hard Times No One Knows”, por Ray Charles, “In the Basement” por Etta James, “Isolation”, por Meshell Ndegeocello, “Still I Rise”, por Melky Sedeck, e outros.

Um CD da trilha sonora original instrumental do filme foi lançado em 15 de fevereiro de 2000, sobre o rótulo MCA. O CD contém quinze faixas e foi composta por Christopher Young. Ele também inclui a canção “So Amazing”, por Boyz II Men.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1.  Hurricane – O Furacão no CinePlayers (Brasil)
  2.  «O Furacão». no CineCartaz (Portugal)
  3.  «The Hurricane (1999)»American Film Institute. Consultado em 23 de junho de 2020
  4. ↑ Ir para:a b c d e f Adoro Cinema, Hurricane – O Furação, página visitada em 8 de setembro de 2016
  5.  Westbrook, Caroline Arquivado em 11 de novembro de 2007, no Wayback Machine.. “We talk to movie legend Norman Jewison,” Jewish.co.uk.
  6.  The Numbers box office data. Último acesso: 14 de dezembro de 2007
  7.  The Hurricane no Rotten Tomatoes. Último acesso: 5 de agosto de 2012
  8.  Deal, Cal. “The Hurricane” Misleads a Trusting Public.
  9.  «”Hurricane” warning»Jewish World Review article by Larry Elder. 4 de fevereiro de 2000. Consultado em 23 de outubro de 2006
  10.  Kimball, George. Truth is swept aside by Hurricane.
  11.  «TopTen Myths about….. Rubin Hurricane Carter and the Lafayette Grill Murders»The Lafayette Library, Lona Manning’s collection of articles and legal documents about the Lafayette Grill murders. Consultado em 23 de outubro de 2006
  12.  NYtimes.com, “Once Again, Giardello Is in the Eye of the Storm”
  13.  «Patriot games»The Sunday Herald. 13 de fevereiro de 2000
  14.  «Boxer sues Hurricane’s makers»BBC News. 19 de fevereiro de 2000. Consultado em 25 de maio de 2010
  15.  «Video»CNN. 28 de fevereiro de 2000
  16.  Stephen Brunt. The Italian Stallions: Heroes Of Boxing’s Glory Days Sport Classic Books. 2003 p213 ISBN 1-894963-03-2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s