TREINAMENTO DE HABILIDADES SOCIAIS (THS)


/TREINAMENTO DE HABILIDADES SOCIAIS (THS)

A interação social constitui uma base fundamental para a vida em sociedade. As Habilidades Sociais (HS) podem ser definidas por um conjunto de comportamentos emitidos por alguém para socializar. Esses comportamentos devem expressar sentimentos, atitudes, desejos e opiniões de quem as expressa, e estar adequados à situação. Assim, terão potencial de resolver problemas atuais e minimizar a possibilidade de danos no futuro. São fundamentais para que os indivíduos estabeleçam interações bem sucedidas com os demais. As pessoas que possuem maior repertório de HS possuem maior autoestima, menos sentimentos negativos, melhor rendimento profissional e/ou acadêmico e menos problemas de comportamento.

O treinamento em Habilidades Sociais é uma modalidade de tratamento que objetiva ensinar estratégias e habilidades interpessoais, com a intenção de melhorar a competência interpessoal do sujeito. O THS tem sido amplamente utilizado por psicólogos clínicos para o tratamento e prevenção de problemas que têm como característica dificuldades de interação social e habilidades sociais deficientes. Este é aplicado juntamente à terapia cognitivo-comportamental, em adultos, adolescentes e crianças. No caso de aplicação no público infanto-juvenil, as crianças e adolescentes podem aprender novas formas de fazer amigos, manejar sua agressividade, lidar com provocações, dar e receber cumprimentos, etc.

As técnicas de THS são utilizadas principalmente em indivíduos com transtornos que envolvem problemas de relacionamento interpessoal. Ademais, tais técnicas também são utilizadas em sujeitos em que o problema não está diretamente relacionado à competência social. Neste caso, o THS pode trazer benefícios como coadjuvante para dificuldades interpessoais em pacientes com transtorno de déficit de atenção ou dependência química, por exemplo.

Referências :

Caballo, V. E. (2012). Manual de avaliação e treinamento das habilidades sociais (S. Dolinsky, Trad.). São Paulo: Santos. (Original publicado em 2003).

Coronel, C. P., Levin, M., & Mejail, S. (2011). Las habilidades sociales en adolescentes tempranos de diferentes contextos socioeconómicos. Eletronic Journal of Research in Educational Psychology, 9(1), 241-262.

Del Prette, Z. A., & Del Prette, A. L. M. I. R. (2009). Psicologia das habilidades sociais: Diversidade teórica e suas implicações. Petrópolis: Vozes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s